terça-feira, 14 de agosto de 2018

Resenha: A Revolução dos bichos - George Orwell | Por Leila Jacob

Resultado de imagem para a revolução dos bichos





Sinopse:

 A Revolução dos Bichos, acompanhamos a trajetória dos bichos da Granja do Solar, que se revoltam contra seu dono, o humano sr. Jones. Jones é o humano típico, que explora o trabalho dos bichos e nunca os oferece nenhum tipo de tratamento adequado, fazendo-os passar fome e trabalharem sem piedade. Porém, liderados pelos ideais de igualdade do porco Major, após sua morte, os bichos finalmente se revoltam, entram em conflito com Jones e conseguem expulsá-lo do local. A partir de então, a Granja do Solar torna-se a Granja dos Bichos.


Resenha:

Por muito tempo tive vontade de ler alguma obra do George Orwell, e depois de alguns discursos inspiradores sobre a revolução dos bichos, coloquei ele no topo da minha lista de leitura, e não me arrependo.

No inicio tudo parecia "tudo muito bem, obrigado", todos trabalham em harmonia e ordem e os porcos que administram esse sistema buscam se aperfeiçoar mais e mais para que a granja dos bichos cresça, eles criam 
regras, aprendem a ler, e buscar novos conhecimentos. 
Só que nem tudo é flores, e com o passar dos anos os conflitos vão acontecendo, e alguns animais desejam até a volta de seu antigo dono.

O final dessa obra é de arregalar os olhos e ficar espantado como a querida eguá Quitéria ficou. A revolução dos bichos é uma crítica ao sistema politico de Stalin, para um autor que se considerava socialista, desmascarar um sistema era algo que ele muito almejou e o fez muito bem com essa fábula que faz sucesso até os dias atuais.

A edição da companhia das letras é muito bonita e tem textos de apoio para quem gosta, acho que "A revolução dos bichos" deve ser uma obra digna de subir ao topo de qualquer lista de leitura.

"As criaturas de fora olhavam de um porco para um homem, de um homem para um porco e de um porco para um homem outra vez; mas já se tornara impossível distinguir quem era homem, quem era porco."

Gostaram? Deixe seu comentário e vamos conversar!
Beijos, até a próxima!


Nenhum comentário:

Postar um comentário