segunda-feira, 6 de agosto de 2018

Segredos de Guerra - Alex Bitten

Olá, povo que lê!!!

O pessoal que acompanha o Língua e Literatura sabe que há alguns dias atrás, o Alex Bitten tornou-se um de nossos escritores parceiros. O Alex é um cara das exatas, mas que ama história e literatura, olha só que multifacetado! É super comunicativo e solícito também, diga-se de passagem, e tá aí na luta do meio editoral. Só quem escreve sabe o quanto é difícil conseguir bons revisores, editores, editoras, gráficas... Paga-se muito por eles e pouco se tem em troca. Já fazem 15 anos que ele está nessa lida, mas agora, ele conseguiu uma parceria com A casa do escritor, que está revisando todas suas obras, refazendo a diagramação, juntamente com a Amazon, e nós, aqui do Língua e Literatura, tivemos a sorte de conhecer as obras do Alex bem no meio dessa transição.
Ele mandou pra gente ler quase todos os seus livros, ainda em edição antiga, com seu nome antigo de escritor, Alexandre Bittencourt, com a revisão e diagramação também antiga, portanto, não vou tocar no assunto dos problemas físicos (ortografia, digitação, folhas brancas, margem fora do padrão...) e sim deter-me à estrutra criativa/narrativa dos livros do autor, ok?
Bom, o Alex indicou que eu lesse, primeiramente, Segredos de Guerra, pois eu iria gostar da Dra. Caroline. Então lá fui eu, mesmo me assustando com o título (vocês sabem como sou medrosa e ansiosa, né? Não gosto de livros de terror, tragédia, guerra, morro de medo), mas me enchi de coragem e li o primeiro capítulo e... quase morri! Escorreu sangue por todo o meu quarto, saindo do primeiro capítulo, junto com pedaços de gente voadores e tiros e estilhaços de bomba. Gritei: Aleeeeeeex!!!! Socorro!!! E ele me respondeu: Calma, não desista.
E realmente, ele estava certo. O primeiro capítulo é introdutório para explicar toda uma trama que vai se desenrolando em volta da jovem protagonista, Doutora Caroline que, acaba descobrindo-se a si mesma e ao sentido de sua vida durante o desenrolar do livro, após ter tomado a dura decisão de mudar de vida assim que sofreu uma tremenda duma decepção amorosa que a tornou mais sábia e durona. Tá certo, Sr. Alex Bitten, curti a Dra. Carolina, mas apesar de ela ser a "mocinha" do livro, não foi a personagem por quem me apaixonei de verdade. Gente... o que é aquela Doutora Laura? Ah, é, vocês ainda não leram o livro e não conhecem a doutora Laura. Pensem numa personagem misteriosa, forte, ou mais ainda, como os críticos gostam de falar, esférica. Wow!!! Essa Doutora Laura nos leva a uma surpresa após a outra... Com certeza ela é um dos pontos fortes da trama que por sinal, do meio pro final, traz surpresa atrás de surpresa, levando o leitor até um desfecho que... como assim? Gente, eu como detetive sou boa e desconfiada, mas vou falar, me esforcei de verdade para adivinhar o final do livro e não consegui... o final é de surpreender!
Linguagem fluída, diálogos bem trabalhados. Achei o espaço e o tempo da narrativa pouco desenvolvidos com a trama, mas creio que isso se deu pelo autor focar nos personagens e enredo, mesmo porque vou retomar o que eu disse no início, não é nada fácil ser escritor neste país, onde nada se ganha e apoio que é bom, praticamente não temos.
Mas é isso aí Sr. Alex, conte comigo, pois já estou abrindo seu próximo livro neste momento, e vocês, leitores do blog, podem também adquirir seu Segredos de Guerra clicando aí no nome do livro pra sentirem as mesmas emoções que senti ao ler esse romance que ainda não consegui classificá-lo em uma categoria, e é de literatura assim que gosto: inclassificável.


Segredos de Guerra


Bjks e boas leituras!

Fabi

2 comentários:

  1. Fabi! Adorei a resenha. Me deixou com vontade de ler

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eba!!! Leia e depois faça uma resenha do que achou pra gente ver sua opinião também!!!

      Bjks!

      Excluir